You are currently browsing the tag archive for the ‘Verdade’ tag.

Cada coração do caminho é comparável a trato de terra espiritual.Muitos estarão soterrados no pedregulho dos preconceitos, ao pé de outros que se enrodilham no espinheiral da ilusão, requisitando tempo enorme para se verem livres. Entretanto, reflete na terra boa, lançada ao desvalimento.

É ai que todos os parasitos geradores da inércia se instalam, absorventes! … Terras abandonadas, terras orfãs! … Criaturas que andeiam pelo adubo da fé, almas que suplicam modesta plantação de esperança e conforto!…

Estes solos desprezados, muita vez, te buscam, fronteiriços… Descerram-se-te à visão, na fadiga dos pais que a dor imanifesta suplicia e consome; no desencanto dos companheiros tristes  que carregam no peito o próprio sonho em cinza; no problema do filho que a revota desgasta; na prova dos irmãos que sorriem chorando para que não lhes veja os detritos da angústia…

Sabes que a caridade, é o sol que varre as sombras; trazes contigo o dom de esparzir o consolo, podes pronunciar as palavras da benção; consegues derramar o que sobra da bolsa, transformando a moeda em prece de alegria; guardas o braço forte que levanta os caídos;  teus dedos são capazes de recompor as cordas que o sofrimento parte em coração alheios, afinando-as no tom da música fraterna; retens o privilégio de repartir com os nus as roupas que largastes; nada te freia as mãos no socorro do doente; ninguém te impede, enfim, de construir na estrada  o bem para quem passa e o bem dos que virão..

Não te detenhas, pois, no vazio das trevas!… Planta a verdade e a luz, o júbilo e a bondade. Se percebes a voz do excelsor semeador, escutá-lo-as, a cada passo, rente aos próprios ouvidos, a dizer-te confiante:  – Trabalha, enquanto é tempo e semeia, semeia, semeia!….

Muita Paz

Chico Xavier   

Anúncios

Um rei sonhou que os dentes de sua boca cairam todos. E mandou buscar quem poderia interpretar o seu sonho. E lhe trouxeram dois sábios, especialistas em interpretação de sonhos. O primeiro sábio esclare com firmeza: – Todos os seus familiares morrerão e você acabará sozinho.

O rei ficou enfurecido mandou espancá-lo e foi levado à cadeia. Como pode desejar um mal  para a família real. Mandou buscar o segundo sábio e este elucida: – Sua Alteza  terá uma longa vida, sobreviverá a todos os seus familiares. Foi elogiado e recebeu com prêmio pedras preciosas.

Um súdito que ouviu as duas interpretações, perguntou ao segundo:  – Como se explica isso, se vocês disseram a mesma coisa?  O sábio respondeu:  – Existem várias maneiras de dizer a verdade.  É preciso sensibilidade no momento de proferí-la.

– A verdade é como uma pedra preciosa mas se atirada com força, machuca tanto quanto outra pedra sem valor.    

Não é a verdade que nos perde; é a maneira de dizê-la.   Voltaire

Muita Paz

Espíritas amai-vos; espíritas instrui-vos.
Outubro 2018
S T Q Q S S D
« Maio    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031  

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 40 outros seguidores

Anúncios