Há 208 an0s, no dia 03 de outubro de 1869, nascia  na cidade de  Lyon, na França, Hipollyte Leon Denizard Rivail, o Codificador da Doutrina Espírita. Foi um homem que através de análises, de estudos e de observação codificou, deu forma aos pontos básicos do Espiritismo.

A missão de Allan Kardec, aqui na terra com certeza foi a de codificar a Doutrina Espírita.  Suas principais obras e que são a base para o entendimento da doutrina Espírita são:  ¨ O Livro dos Espíritos ¨ 1857 –  ¨ O Livro dos médiuns ¨ – 1861 –  ¨ o Evangelho Segundo o Espiritismo  ¨- 1864 – ¨ o Céu e o Inferno ¨- 1865 – A Gênese – 1868.

 O Livro dos Espíritos fala do principio da doutrina, da imortalidade da alma, da natureza dos espíritos da relação do encarnado com o desencarnado da vida passada, presente e futura. o Livro dos Médiuns sobre o gênero das manifestações, os meios de comunicação com o mundo espiritual . O Evangelho Segundo o Espiritismo explica os ensinamentos de Jesus levando em conta o mundo espiritual os principios de reencarnação, da pluralidade das existências e dos mundos. o Céu e o inferno fala das penalidades e recompensas futuras, sobre anjos e demõnios. A Gênese, fala da origem e desenvolvimento dos mundos, dos espíritos, dos seres humanos, milagres predições etc..

Allan Kardec foi um homem culto, um cientista, um estudioso, que usou o método intuitivo racionalista, cultivando o espírito de observação na descoberta da verdade,  e com a sua prudência e bom senso  observou sempre a concordância de várias comunicações.  Não foi um profeta, não foi o fundador da Doutrina espírita. Ele nada criou apenas explicou o que sempre aconteceu na humanidade.

Allan Kardec desencarnou no dia 31 de março de 1869, em consequência da ruptura de um aneurisma no coração. Em sua homenagem Camille Flamarion, discursa e deixa escrito no túmulo de Kardec a seguinte frase:  ¨Nascer, morrer, renascer, ainda e progredir sem cesar, tal é a lei ¨. 

Muita Paz

Advertisements