Quando Jesus disse à multidão que ¨ aquele que estivesse sem pecado atirasse a primeira pedra¨  na mulher que fora surpreendida em adúltério,  ele sendo conhecedor da alma humana sabia que o apedrejamento não aconteceria.

Jesus sabia que aqueles que estavam naquele momento querendo punir aquela mulher na realidade estavam necessitando de um  ¨bode expiatório ¨ para aliviar as suas próprias culpas. O Mestre porém os levou a uma introspeção quando fez a proposta; quem estiver sem pecados vá em frente.

Sentimos necessidades de mostrar os erros alheios na esperança de encobrirmos os nossos, normalmente não temos coragem de fazermos uma viagem ao nosso interior, descobriríamos o que normalmente queremos ocultar de nós mesmo.

Quando conseguimos fazer essa viagem interior e nos deparamos com as nossas fraquezas, os nossos erros, ficamos mais tolerantes com os erros do nosso próximo, e conseguimos encontrar o nosso ponto de equilibrio, com isso podemos entender os nossos sentimentos e buscar a ajuda para as nossas dificuldades.

Não precisamos nos afligir em nos corrigir, basta nos conhecermos melhor e procurar entender o nosso semelhante o importante é buscar o caminho do amor. Quem ama e respeita a si mesmo, ama ao próximo e ama a Deus.

  Muita Paz

Advertisements