Será que o lugar que hoje ocupamos na vida é nosso mesmo? Ou influências externas nos levam a direção contrárias ao  nosso modo de pensar e agir? Será que temos escutado a nossa voz interior, que é  o cumprimento   da nossa programação? Quantos de nós nos sentimos deslocados na escola, na profissão, no circulo social ou mesmo entre familiares.

Essa dificuldade que podemos estar passando é fruto do nosso deslocamento intimo, por não acreditarmos nas nossas potencialidades, nos sentimos incapazes,  e assim permitimos que as pessoas que nos são próximas façam as escolhas por nós. Se permitirmos essa situação, sempre responsabilizaremos os outros pelos nossos fracasso0s.

Se passarmos a decidir a nossa própria vida, sentaremos no nosso lugar na mesa da nossa existência.Perceberemos que somos nós os responsáveis pelas nossas decisões e nossas opções. Não resolver a própria vida não significa humildade, pois é necessário nos responsabilizarmos por nossa existência.

Quem encontra seu lugar na vida, respeita o lugar do outro, e jamais ultrapassará o limite do seu  nossos semelhante. Procuremos em nós mesmo o nosso lugar, e poderemos cumprir a nossa programação com o direito que Deus nosso Pai, nos concedeu através do nosso livre árbitrio.

Muita Paz

¨ Renovando Atitudes ¨