You are currently browsing the monthly archive for Março 2012.

Monteiro Lobato não era um simpatizante do Espiritismo. Era espírita praticante. Ralizou uma série de experiências com as chamadas sessões do  copinho e conseguiu comunicar-se  com os filhos, parentes e amigos falecidos, inclusive a famosa tia Anastácia das histórias infantis  de Emilia e Pedrinho, que realmente existiu.

                                      Monteiro Lobato

O livro Monteiro Lobato e o Espiritismo de Maria José Sette Ribas, é constituido pelas atas das sessões escritas por ele mesmo, registrando as ocorrências de cada uma com a objetividade e clareza que o caracterizavam. São atas cheias de humor e transbordantes de inteligência.

Lobato se convenceu da imortalidade espiritual do homem e possibilidade da comunicação com os mortos depois de uma sessão em que se manifestaram seis de seus grandes amigos: Adalgiso Pereira, Maneco Lopes, Amadeu Amaral, Arthur Neiva, Martins Fontes e outro cujo nome se perdeu.

A autencidade do prefácio escrito por José Herculano  Pires,  ressalta do estilo e o senso de humor de Lobato espírita e o Lobato do Além.

Muita Paz 

Anúncios

Ao viajor que chega a uma estalegem, se dá um belo alojamento se o pode pagar; àquele que pode pouca coisa, se dá um menos agradável, quanto àquele que nada tem , vai deitar-se sobre a palha. Assim ocorre com o homem na sua chegada ao mundo Espíritos: Deu lugar ali está subordinado ao que tem, mas não é com o ouro que paga.

Não se lhe perguntará : Quanto tinheis sobre a terra? Que posição nela ocupáveis? Éreis principe ou operário? Mas se lhe perguntará: O que dela trazeis? Não se computará  o valor dos seus bens nem dos seus títulos, mas a soma das suas virtudes;  ora, a esse respeito o operário pode ser mais rico do que o principe.

Em vão alegará que, antes da sua partida, pagou a sua entrada com ouro e se lhe responderá:  Os lugares aqui não se compram, eles se ganham pelo bem que se fez, com o dinheiro terrestre, pudeste comprar campos, casas, palácios, aqui tudo se paga com as qualidades do coração. Sois rico dessas qualidades?

Sede bem -vindos, e ide ao primeiro lugar onde todas as felicidades  vos esperam, sois pobre? Ide ao último, onde sereis tratado em razão do que tendes. ( Pascal – 1860)  Os bens da terra pergencem a Deus, que os dispensa á sua vontade, e o homem deles  não é senão o usofrotuário, o administrador  mais ou menos integro e inteligente. Eles são tão pouco a propriedade individual do homem , porque Deus, frequentemente, frusta todas as previsões, que a fortuna escapa daquele que a crê  possuir pelos melhores títulos (…)

Muita Paz

O Evangelho Segundo o  Espiritismo 

O homem não possui de seu senão o que pode levar deste mundo. O que encontra ao chegar, e o que deixa ao partir, goza durante a sua permanencia, mas, uma vez que é forçado a abandoná-lo, dele não tem senão o gozo e não a posse real. Que possui ele, pois? Nada daquilo que é para uso do corpo, tudo o que é de uso da alma; a nteligência, os conhcimentos, as qualidades morais, eis o que traz e o que leva, o que não está no poder de ninguém lhe tirar, e que lhe servirá mais ainda no outro mundo no que neste, dele depende ser mais rico em sua partida do que em sua chegada, porque daquilo que tiver adquirido em bem depende a sua posição futura. Quando um homem vai para um país longinquo, compõe a sua bagagem de objetos  que têm curtudo so neste pais, mas não se carrega  dos que lhes seriam inútil. Fazei,  pois, o mesmo para a vida futura, e fazei provido de  tudo que poderá  nela vos servir.

Muita Paz

Evangelho Segundo o Espiritismo

 

Quero ser feliz é deixar viver a criança livre, alegre e simples que mora dentro de você.
É ter maturidade para falar: “Eu errei.”
É ter ousadia para dizer: “Me perdoe.”
É ter sensibilidade para confessar: “Eu preciso de você.”
Ser feliz é ter a capacidade de dizer: “Eu te amo¨.

Já me disseram que sou um ser incomum, que possso conseguir o que eu quero. Que sou amada.

Amo aos meus, mas nem todos necessitam do meu amor. Querem apenas a minha amizade.

Mas a amizade é pouco quando se ama, a dor incomoda como uma pedra no sapato Prudência equilibrio? É Necessário para que a beleza possa brilhar.

Eu sou assim.
Uma pessoa simples, sincera, que ama e  deseja ser amada, carinhosa, prestativa, verdadeira. por que aborreço os que amo? Passamos grande parte da vida tentando descobrir  como desempenhar o papel que escolhemos para representar, mas ainda assim temos dificuldades de viver corretamente. Por que quero ser forte quando não consigo assumir minhas fraquezas.

Sou luz e ausência de claridade
 Sou atrapalhada mas sei seduzir

Sou a verdade disfarçada a mentira sincera. Sou a flor do campo com espinho no cabo? Odeio ficar sozinha mas preciso me acostumar.

Sou fixada ao presente mas nunca deixo de fazer planos para o amanhã
Esperando um milagre acontecer
 Sinto-me muito egoísta.

Sou manipulável e manipulada…
Adoro as diferenças do mundo e odeio o que elas causam. Sou a felicidade triste e a tristeza mais feliz já existente
Sou a vida induzida, a bagunça organizada
Sou a companhia agradável no fim de tarde… e a pior pessoa pela manhã…
Sou a lealdade nata descontraída na incerteza da perfidez.

Sou calmaria, sou fera. A personalidade formada totalmente indutiva
Sou eu assim na diversidade das minhas próprias palavras e na limitação das mesmas!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

 Sou complicada, difícil de se aturar, mas garanto que vale a pena. Não sou uma pessoa de meio termos… sou de extremos… ou eu amo ou eu odeio…
As vezes (e só as vezes) não sei mentir.

Eu não aceito infidelidade. Amo meus filhos e meus netos.Canto pra ficar feliz e pra espantar a carga negativa.
Gosto de ser paparicada, sou muito exigente (as vezes me torno chata), tenho reações imprevisíveis.

Tenho receio da solidão,
Medo de rejeição
e pavor de envelhecer!
Não sei perder!!!! – mas disfarço legal

Magoei pessoas que mereceram.
Amei pessoas que não mereciam. Sou exagerada!!!

Já fui usada, já usei, já fiz chorar, já chorei.As vezes chego a ser má.Sou desconfiada, mas acabo sempre acreditando nos outros. Pra finalizar, admito: sou esquentada, mas gosto ser assim. Fora tudo isso, sou uma mulher carismática, cômica, e claro: dramática!

Eu sou assim: ÚNICA!

E espero melhorar, fazer m inha reforma intima, aceitar o meu semelhante como ele é. Aprender a perdoar quantas vezes for necessário

Muita Paz

autor desconhecido

Na atualidade não é mais novidade a rapidez que encontramos nas comunicações, telefone, internet etc.., acostumamos a essa rapidez. No plano material temos a impressão que a tecnologia não tem nada mais para nos apresentar! Porém os estudos espíritas nos orientam  que há um fator  mais rápido que a luz: O pensamento.

                                                      O Pensamento é mais rápido que a luz. É um atributo  do Espírito.

É pelo  pensamento que  é feita  a comunicação dos Espíritos superiores. Apenas pelo pensamento. Não há necessidade da palavra articulada. Não podemos esconder o que somos e o que pensamos, basta pensarmos em alguém para entrarmos em sintonia.

Já foi aceito no meio científico que o cérebro funciona como como uma estação emissora e receptora de ondas eletromagnéticas, emitimos as nossas próprias ondas, conforme a qualidade dos nossos pensamentos. Com os nossos pensamentos podemos ajudar muito e infelizmente podemos também prejudicar, pois o pensamento é um atributo do Espírito.

Procuremos usar o nosso pensamento para o bem. Quando estamos estudando , meditando, orando, nosso pensamento vibra em alta frequencia. Quando alimentamos pensamentos  de revolta, ciúmes, inveja, e quando pensamos somente nas coisas materiais, evidente vibramos em baixa frequencia. Elevemos os nossos pensamentos para que possamos começar a realizar a nossa reforma intima.

Muita paz

Aprendemos com o Espiritismo que os animais tem alma. Mas que sua permanência na erraticidade é rápida, pois não possuindo livre arbítrio, não tem resgate, portanto sua reencarnação é quase que imediata.

Li uma reportagem na RIE de dezembro de 2011 que demonstra o afeto que os nossos animais de estimação demonstram por nós,  mesmo após a sua desencarnação. Esse caso foi relatado na Revista Espírita de maio de 1865. Mika era uma cadelinha muito querida por uma família.

E depois de morta foi percebida por seus donos. O casal e sua filha durante alguns dias perceberam alguns sons e pisadas da cadelinha querida. As manisfestações evidente dos animais não são naturalmente conscientes como das criaturas humanas mas são produzidas por entidades espirituais que conduzem estes animais a seus donos.

¨A manifestação ocorre porém é passageira¨  O ser humano é que permance mais tempo na erraticidade, e em alguns casos procura a família com certa  frequência.  O pesquizador espírita Ernest Bozzanao, relata vários casos de espíritos de animais que são vistos e ouvidos por uma ou várias pessoas, aumentando a possibilidade desses fatos serem verdadeiros.

José Herculano Pires¨no livro ¨Mediunidade, vida e comunicação¨tem uma opinião interessante sobre esses fenômenos que vale também a  pena citarmos: A sobrevivência da forma animal confirma a teoria espírita a respeito,  enquanto a psicocinesia   revela a possibilidade de controle dessas formas  pelo poder mental dos espíritos. As manifestações  do espírito dos animais não são natruralmente conscientes com as criaturas humans  mas são produzidas por entidades espirituais interessadas nestas demonstrações , seja para incentivar o maior respeito pelos animais  na terra, seja por motivos científicos.

Muita Paz 

Nas reuniões públicas de uma Casa Espírita, os trabalhos são divididos em palestras e passes. Sabemos da importância dos passes magnéticos e também a importância das palestras. Porém ainda há uma pequena parcela de pessoas que não gostam de assistir as palestras, chegando quase no final apenas para receberem os passes.


Sem dúvida as duas partes são de grande importãncia, tanto para o esclarecimento da doutrina, quanto para a consolação e melhoria de quem participa. No entanto há algumas Casas Espíritas que durante as palestras, já vão conduzindo as pessoas para o passe.  O corre que esse procedimento, levam  as pessoas a não voltarem para continuar a ouvir a palestra. Até mesmo porque perdem o fio da meada e o conteúdo fica prejudicado.


O sistema ideal para todos é assistir a palestra, pois ela é indispensável ao conhecimento da Doutrina, ao despertamento  do ser em realizar sua reforma intima e para ajudar os males do corpo material em favor de um bem estar. Logo após o término da palestras receberem o passe magnético é o indicado, pois  já mais envolvidos no clima de harmonia terão maior aproveitamento.


Durante as palestras os benfeitores espirituais, já estão em volta do público dando o  apoio necessário a cada um, conforme a sua necessidade  e o passe é o complemento do tratamento espiritual.


Muita Paz 

 É o tipo de passe em que a pessoa doa apenas seus fluidos, utilizando a força magnética existente no próprio corpo espiritual. Pelo menos em tese, qualquer criatura pode ministrá-lo. Suas qualidades variam segundo a condição moral do passista, sua capacidade de doar fluidos e seu desejo sincero de amparar o próximo.

No passe magnético, geralmente se recebe assistência espiritual. Como vimos, isso acontece porque os Espíritos superiores sempre ajudam aqueles que, imbuídos de boa vontade, atendem aos mais carentes. Lembramos aqui, que o socorro dos Benfeitores é independente da crença que o passista ou magnetizador possa ter em Deus ou na Espiritualidade. Os Espíritos disseram a Allan Kardec, em “O Livro dos Médiuns”, questão 176:

 Transmitidos pelo médium que doa de seus próprios fluidos, de sua própria força irradiante, de suas energias fluídicas. Magnetizador é aquele indivíduo saturado de fluido vital e que através da vontade – atributo essencial do espírito – usa seu fluido magnético, atua sobre ele, dando-lhe as qualidades necessárias.

No caso do passe magnético não é o fluido dos espíritos desencarnados, apenas eles atuam fortalecendo a vontade do doador.Pesquisando as teorias kardequianas, vamos encontrar na Revista Espíritaano VIIjaneiro de 1864página 7, importante estudo, que elucida um pouco mais o assunto:

 “…Em geral o que magnetiza (passista) não pensa senão em desdobrar essa força fluídica, derramar seu próprio fluido sobre o paciente submetido aos seus cuidados. Sem se ocupar se há ou não uma Providência interessada no caso, tanto ou mais que ele. Agindo só, não pode obter senão o que a sua força, sozinha, pode produzir; ao passo que os médiuns curadores começam por elevar sua alma a Deus e a reconhecer que, por si mesmos, nada podem… Esse socorro que envia são os bons Espíritos que vêm penetrar o médium de seu fluido benéfico que é transmitido ao doente… e que são devidas simplesmente à natureza do fluido derramado sobre o médium. Ao passo que o magnetizador (passista) ordinário se esgota, por vezes em vão, a fazer passes, o médium curador infiltra um fluido regenerador pela simples imposição de mãos, graças ao concurso dos bons Espíritos”.

Muita Paz

Deus nos concedeu o direito de escolher a maneira de vivermos, isto é,  nos presenteou com o livre arbítrio. Nas perguntas 843 e 850, está bem claro este assunto com  as respostas dadas a  Allan Kardec, sobre a liberdade do homem. ¨ Pois quem tem a liberdade de pensar, tem igualmente a de obrar. Sem o livre arbitrio, o homem seria igual a uma máquina.

Deus é justo e tudo leva em conta. Deixa-nos a responsabilidade de usarmos o nosso esforço, para  vencermos os obstáculos da vida. Portando temos a liberdade de fazer as nossas  escolhas. Podemos escolher os nossos amigos e também os nossos ídolos. Durante as várias fases de nossa vida elegemos vários idolos, de acordo com o nosso desenvolvimento moral.

Evidente que vai depender do nosso entendimento. A nossa programação foi feita, porém podemos usar a nossa vontade.  Simplesmente vai depender de nós. ¨Orai e Vigiai¨ e teremos a oportunidade  de sermos orientados por nossos protetores.  A busca constante pela verdade, a certeza que Jesus nosso irmão Maior, está sempre ao nosso lado. Abrirão os nossos olhos para encontrarmos os nossos ídolos.

Muita Paz

Espíritas amai-vos; espíritas instrui-vos.
Março 2012
S T Q Q S S D
« Fev   Abr »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 39 outros seguidores