Prometer é um ato tão comum entre nós, que quase não prestamos atenção. Fazemos promessas a Divindade, a outras pessoas e a nós mesmo. E consequentemente ouvimos também  das pessoas que nos cercam.  Isso acontece de uma forma tão natural,  que terminamos esquecendo o que prometemos e também as promessas  que nos são feitas.  

Falsas Promessas

 Jesus nos fez várias promessas entre elas a do Consolador Prometido: ¨Se me amais, guardai os meus mandamentos. Eu rogarei ao Pai e ele vos dará um outro Consolador, para que fique eternamente convosco. o Espírito de Verdade, a quem o mundo não pode receber, porque não o vê, nem o conhece. Mas vos o conhecereis, porque ele ficará convosco e estará em vós. Mas o Consolador, a quem o Pai enviará em meu  nome, vos enviará todas as coisas, e vos fará lembrar de tudo o que tenho dito.

Ele cumpriu a promessa pois o Espiritismo é o Consolador Prometido por Jesus. Ele nos  ensinou o que não tinhamos condições de entender  naquele momento. Ele veio,  fazendo-nos compreender o que o Cristo nos ensinou através das parábolas. O Espiritismo veio abrir os olhos e ouvidos, pois fala sem figuras e alegorias.  ¨Uma promessa Consoladora¨

Porém muitos  de  nós temos   dificuldades de cumprir o que prometemos. Vejam algumas: As promessas de amor eterno, quantas pessoas não cumprem  suas promessas, seja por vários motivos.  De cuidar e amar sempre os filhos.  Também por vários motivos deixam de cumprir.

Não estamos julgando ninguém, há pessoas que realmente foram impedidas de cumprir o que prometeram. Deus ama a todos mesmo aqueles que deixaram de cumpriram suas promessas.  Seja  porque não puderam ou não desejaram mais cumprir. Sabemos que mais cedo ou mais tarde Deus nosso Pai, nos dará nova  oportunidade de cumprir o que prometemos.

Mas a melhor promessa é aquela que não se promete a ninguém, a não ser a si próprio e a Deus. Quando conseguimos realizar esse tipo de promessa nos sentimos em paz com a nossa consciência. Quando sentirmos dificuldades em cumprir o que almejamos,  devemos apelar para a oração, para que sejamos sustentados nos nossos deveres. E que possamos cumprir as promessas que fizemos a Deus e ao  nosso semelhante. 

Deus permite que usemos  o nosso livre arbítrio, o nosso caráter, em relação as nossas promessas e aos nossos deveres.    Jesus Cristo nosso irmão Maior estará sempre ao  nosso lado. Nos amparando quando nos arrependermos e repararmos os nossos erros.

Muita Paz

Advertisements