Apesar da grande quantidade de casas Espíritas no Brasil. O Espiritismo não representa uma das religiões preferidas pelos brasileiros. A quantidade de pessoas que frequentam os centros Espíritas e aceitam  os princípios da Doutrina é grande. Mas na hora de declarar sua religião declaram participar de outra.

Ser Espírita é para pessoas que ¨acordaram ¨que encontraram respostas para suas aflições, pessoas que possuem a fé raciocinada e que estão dispostas a trabalhar pela sua reforma intima. Que entendem que a responsabilidade dos nossos sofrimentos são nossas e que o remédio é a fé, a disciplina e a caridade.

O verdadeiro Espírita não esconde a sua religião, mas aceita e respeita  todas  as  outras crenças com amor.  Emmanuel nos diz que ¨Sem noção de responsabilidade, sem a pratica do bem e sem esforço  em nosso próprio burilamento moral, é impraticável  se dizer Espírita.¨

Ser espírita não é frequentar um centro e afirmar, eu sou Espírita! É  muito mais. É  ter a consciência  sabemos muito pouco,  e que precisamos estudar muito mais, por que ainda desconhecemos  muitas coisas , porém o Consolador Prometido nos está mostrando dia a dia as verdades que ajudarão a nossa transformação.

Muita Paz 

Advertisements