Nasce em  Lyon  no dia 03 de outubro de 1804, O Codificador do Espiritismo, que mais tarde adotaria o pseudônimo de Allan Kardec. Era filho do juiz Jean Baptiste Antoine Rivail e de Jeanne Duhamei. Seu pai o iniciou com todo cuidado  nas primeiras letras e o incentivou à leitura dos clássicos. Após completar seus primeiros estudos em Lyon, partiu para a Suiça, para completar seus estudos secundários.

O jovem Hippolite logo chama à atenção do Mestre Pestalozzi, pelo seu desempenho . Era um jovem inteligente, amável e muito responsável, bacharelara-se em Letras e Ciências, falava fluentemente vários idiomas. escreveu vários livros pedagógicos , tendo sido premiado em 1831.

Organizou cursos de Física, Quimica, Astronomia e Anatomia Comparada. Casou-se com a professora Amélie Grabrielle Boudet que colaborou com seu marido em todo seu trabalho da codificação, e mantendo o seu trabalho mesmo depois da desencarnação do marido.

Por volta de 1848 começaram  nos Estados Unidos na cidade de Hydesville os primeiros fenômenos que deram origem ao  moderno Espiritismo.  Na casa da família Fox iniciou-se fatos incomuns,   pancadas e barulhos estranhos , faziam parte da vida daquela família.   E as irmãs Katherine  e Margarette, ainda crianças, desafiaram o espírito  a  responder a suas perguntas.  E estabeleceram uma comunicação através das pancadas,  recebendo  respostas, do Espírito que queria se comunicar.

¨As mesas girantes ¨

Na mesma época inicia-se em Paris uma nova moda  ¨As mesas girantes ¨ ou ¨As mesas falantes ¨ fazia-se perguntas e as mesas respondiam através de pancadas as perguntas formuladas. Esse fenômeno era visto apenas como uma inexplicável distração.  E essa brincadeira ocorria em vários países.

Em 1854 a convite de um amigo o Sr. Fortier, Kardec foi ver de perto as famosas mesas girantes. Porém antes de aceitar o convite, onde sua atitude foi de ceticismo ele diz: ¨Eu crerei quando vir, e quando conseguir em provar-me que uma mesa dispõe de cerébro e nervos, e que pode se tornar sonâmbula, até que isso se dê, dê-me a permissão de não enxegar nisso mais que um conto para provocar o sono.¨

Depois de várias observações o professor Rivail, percebeu  que ali existia algo inteligente. E começaram as pesquisas: Ele visitava várias casas onde aconteciam reuniões espíritas, e anotava tudo em  cadernos, chegando a possuir cerca de cinquenta cadernos.  Começou a formular perguntas e destribuir em vários lugares,  cidades e países próximos e analisava as respostas.

E ficava perplexo com as similaridades frequentes entre elas, passou a selecioná-las  e organizar por tópicos e assuntos.  Como poderiam pessoas que nunca se viram, que viviam em localidades distantes umas das outras, sem a facilidade das comunicações hoje existentes, darem as mesmas respostas?

Concluiu que a resposta lógica seria a de que agentes inteligentes davam  as respostas, por intermédio de pessoas que possuiam uma sensibilidade psiquica especial. ¨Os Médiuns ¨  de posse de toda essa informação no dia 18 de abril de 1857,  Allan Kardec,  publicou a primeira obra Espírita. ¨O Livro dos Espíritos¨ dando inicio a uma nova era de conhecimento para fatos que antes não tinham explicações. 

Muita Paz

Advertisements