A inquisição foi instituida em 1232, pelo papa Gregório IX.  E  durante  alguns séculos a igreja queimou homens  que não concordavam com as suas idéias.   Hoje a igreja pede desculpas pelo que fez, mas ainda ignora muitos atos praticados por seus representantes  religiosos. 

O Espiritismo também sofreu com o poder da inquisição.  Que sob o título  do ¨Auto de Fé de Barcelona¨ no dia  9 de outubro de 1861, às 10 horas e 30 minutos  da manhã, o fogo da inquisição, incinerou  300 livros espíritas enviados por Allan Kardec ao livreiro Maurício  Lachâtre, livros  que estavam  acompanhados  da documentação legal.

Auto de Fé de Barcelona

Porém a multidão curiosa, pegou o resto dos livros queimados para saber  o que havia naqueles livros  que a igreja temia tanto que caísse nas mãos do povo. Allan  Kardec   quis processar os responsáveis, mas os Espíritos lhe disseram que    com esse ato da igreja, o Espiritismo  havia conseguido a divulgação necessária para aquela época.

A inquisição passou,  mas o preconceito contra o Espiritismo continua.  Ainda assim a Doutrina Espírita continua crescendo. O Espiritismo é a religião da caridade, do perdão, e do amor. Seu ensino é  exatamente o de  que Jesus Cristo.  O Espiritismo não  é a religião que ampara  apenas os ¨ mortos ¨ ampara também os ¨vivos ¨.

Muita Paz