Palestra Espírita

O uso da palavra na casa espírita não é um fato novo , o palestrante é um instrumento  de orientação para os Espíritos encarnados e desencarnados, e Tiago nos dá essa informação  no capítulo 3 Vv 6:  ¨ A lingua também é um fogo; como mundo de inquidade, a lingua está posta  entre os nossos membros, e contamina todo o corpo, e inflama o curso  da natureza, e é inflamada pelo inferno ¨ e continua em  no Capítulo 3  Vv 8 e 9; ¨Com ela bendizemos a Deus nosso Pai, e com ela amaldiçoamos os homens, feitos à semelhança de Deus ¨.

O poder da palavra é muito grande se entendessemos a força que tem a palavra, mudaríamos a nossa atitude mental. Quando o palestrante usa a força da palavra irradia, energia, renovação de fé e consolação, nesse momento todos estão sendo beneficiados encarnados e desencarnados e principalmente ele próprio, pois a inspiração que teve de trazer essa palestra é porque ele precisava ouví-la.

A palestra deve ser transmitida com amor,  com simplicidade, trazendo sempre uma mensagem de Jesus Cristo o nosso Mestre para o coração de todos nós.  O palestrante é o trabalhador  que deve focar a criatura, para que saia da casa mais fortalecido, em paz e com muita esperança no coração.  Não podendo condenar atitudes, pois seu trabalho naquele momento é renovar a fé no coração do seu próximo.

Muita Paz