Agostinho de Hipona nasceu em 13 de novembro de 354, na cidade de Tagaste, norte da África.  Na Argélia onde também desencarnou em 28 de agosto de 430. Filho de Patrício, um pagão e de Mõnica, uma cristã, que mais tarde foi canonizada com Santa Monica de Hipona.

 

Viveu uma vida mundana intensa, era pagão,  converteu-se ao cristianismo em 386, foi batizado em 387. Foi mestre de retórica, escritor, teólogo e filósofo, tornou-se bispo em 396. Deixou vasta obra  que já preconizavam  conceitos que o Espiritismo consolidaria.

No século XIX, das suas  comunicações, Allan Kardec incluiu  aproximadamente trinta e cinco em suas obras.¨ Santo Agostinho é um dos maiores vulgarizadores do Espiritismo. Manifesta-se  quase por toda parte, pertence ele à vigorosa falange dos pais da igreja, aos quais deve a cristandade  seus mais sólidos esteios¨ Erasto

Após o  ¨Concílio de Nicéia¨em 325, surge como um dos grandes nomes da patrística  latina, sendo considerado o mais importante filosofo. Desenvolveu as teses que constituiriam a base da filosofia cristã durante séculos,  abordando temas com as relações entre a fé e a razão, a natureza do conhecimento o conceito de Deus e a criação do mundo, a questão do bem e do mal.

Os conceitoa sobre o Espiritismo; sobre reencarnação: ¨Não teria minha infância atual, sucedido  a uma outra idade antes dela extinta?…Antes mesmo  desse tempo, teria eu estado em algum lugar? Seria alguém?  Sobre o perispirito:  ¨Acredito portanto  que a alma não poderia existir   sem corpo  algum. ¨

Santo Agostinho como importante religioso, num processo gradativo  e contínuo de evolução , onde os conceitos corretos são mantidos, surgiu com suas comunicações mediúnicas, trazendo conhecimentos nele incorporado.

Muita Paz

RIE – janeiro

Advertisements