You are currently browsing the daily archive for Março 8, 2011.

No velho testamento, a libertação do jugo – submissão forçada ou disciplina – é um elemento constante nas profecias de salvação.  A submissão pode ser exercida também por vicios ao passo que o jugo da sabedoria é para o homem um benefício. ¨Carregar o jugo de Deus¨ quer dizer submeter-se a seus preceitos, por isso todos os pecadores tentam quebrar esse jugo.

No Novo Testamento, o jugo foi tomado somente no sentido figurado, seja com relação  aos imperativos do poderio romano, da lei do Velho Testamento ou dos vícios. O jugo de Jesus é leve, porque somente ele é capaz de oferecer o lenitivo para as nossas dores e sofrimentos.

Por que o jugo é leve?

É que atendendo aos designos do alto a nosso respeito, nós iremos dificultar ainda mais a nossa situação presente. Nós não agravaremos a lei, pois teremos cuidado de não fazermos mal aos outros, porque sabemos que iremos sofrer  as suas consequencias . :Uma pessoa  que recebeu um pequeno conhecimento da vida futura já enfrenta  a morte com certa naturalidade. Ele vai se consientizar que a verdadeira vida não é a vida material , e por isso trata as dificuldades com outros olhos. È  justamente esses outros olhos, a  dimensão  de uma vida futura,  que torna o fardo leve, Essa visão do futuro    faz-nos  com o caminhar na terra, sofrer todas as dificuldades que os outros sofram,  mas o peso dessas  dificuldades  é diminuido,  pela posse do conteúdo  espiritual, fornecido  pelos espíritos superiores que desejam  a redenção  não só de uma pessoa, mas de toda a humanidade. Aquele que olha do ponto de vista espiritual  tem uma visão mais ampla. Assemelha-se  ao homem que subiu numa montanha, comparado ao que ficou ao seu pé. Ele pode vislumbrar outros horizontes o que não é permitido ao que ficou em baixo. 

Muita paz

Anúncios

Jesus, quando esteve encarnado, deixou-nos muitas máximas evangélicas, as quais foram anotadas e publicadas pelos apóstlos,aproximadamente 70 anos depois da sua morte física. A sua missão foi a de nos trazer a Boa-Nova, um novo marco espiritual para a humanidade, um edfício sólido em que as ventanias das trevas não iriam conseguir demoli-lo.Ensinou-nos através de parábolas, pois ainda não estávamos preparados para absorver todo o conteúdo doutrinário. Na época, disse que não podia nos ensinar tudo, mas que a seu tempo enviaria o Consolador Prometido, o Espírito de Verdade, que  se incubiria de nos lembrar do que tinha  dito e nos revelaria novos conhecimentos. Sendo assim, convém  para o nosso próprio aprimoramento espiritual, buscarmos não só o sentido teórico como também a sua aplicação prática em nossa vivência . Penetremos, pois, no âmago desses preceitos não como sábio, mas como uma criança, sem defesas e isenta de qualquer preconceito.

Espíritas amai-vos; espíritas instrui-vos.
Março 2011
S T Q Q S S D
« Fev   Abr »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 39 outros seguidores